Projeto “Entrenós” traz arte e cultura para o campus de Itajubá

Cada evento, aberto aos públicos interno e externo, busca trazer poetas e músicos da região.

O projeto “Entrenós” se propõe a trazer um pouco de arte e cultura para o campus de Itajubá.

 

 

 Em seus nove meses de existência, o Centro de Educação (Ceduc) da Universidade Federal de Itajubá (Unifei) desenvolveu uma série de atividades. Dentre os projetos em execução, um deles, de caráter mais informal, se propõe a trazer um pouco de arte e cultura para o campus de Itajubá: o “Entrenós”.

 Sob a organização da professora Márcia de Souza Luz Freitas, o projeto consiste no planejamento e na realização de “uma tertúlia bimestral para poetizar, cantar e se encantar”, ou seja, um encontro de amigos reunidos em prol de um mesmo objetivo. Com sua realização, pretende-se instituir no Ceduc um lugar para a linguagem da sensibilidade, educando para o olhar e para a escuta.

 A professora Márcia disse que cada evento, aberto aos públicos interno e externo, busca trazer poetas e músicos da região. “Há um cuidado com o cenário, de modo que as pessoas se sintam à vontade para ler e recitar poemas, cantar e tocar canções, de preferência de autoria própria”, explicou a organizadora.

 O primeiro “Entrenós enfatizou a literatura de cordel pela presença do poeta e professor Paulo Roxo Barja, de São José dos Campos - SP. Foram ainda convidados a expor sua obra os poetas Guilherme Aniceto, de Itajubá; José Regi, de Maria da Fé, e o músico Pedro Paulo, também de Itajubá.

 Já, na segunda edição da tertúlia com o tema “Para as interrogações, reticências”, o Ceduc recebeu como convidados especiais o poeta Gildes Bezerra, a poetisa Cecília Fonseca e o músico Júlio Gabriel, todos itajubenses.

 Em ambos os encontros, a organizadora, que, para além do exercício da docência, é poetisa e cronista, também mostrou um pouco de sua obra. O público presente não deixou de se manifestar e vários participantes declamaram e cantaram composições próprias ou de artistas renomados.

 Segundo a professora Márcia, “a experiência revelou um público ávido por arte e reforçou a visão de que a Unifei deve contribuir de modo mais incisivo para o desenvolvimento cultural da região que, verdade seja dita, se confirma como um grande celeiro artístico”.

 

 



Mapa do site

Campus Prof. José Rodrigues Seabra - Sede

Av. BPS, 1303, Bairro Pinheirinho, Itajubá - MG

Telefone: (35) 3629 - 1101 Fax: (35) 3622 - 3596

Caixa Postal 50 CEP: 37500 903

Campus Itabira

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II,Itabira - MG

Telefone (31) 3839-0800

CEP 35903-087


Acesso a Informação Brasil - Governo Federal   

© 2015 Site desenvolvido pela DSI / SECOM